Kenkovet Clínica Veterinária

O conteúdo desta página requer uma versão mais recente do Adobe Flash Player.

Obter Adobe Flash player

Acompanhe e participe das Redes Sociais Kenkovet

Youtube

DICAS & CURIOSIDADES

Sagrado da Birmânia

Dicas & Curiosidades

Esta raça é famosa pelo seu caráter tranqüilo e, ao mesmo tempo, sociável. Gosta de brincar, é inteligente e alegre. O Sagrado da Birmânia geralmente elege como dono uma pessoa de temperamento calmo, parecido com o seu. Fiel, dedica-se totalmente a seu “escolhido” e fica com muitas saudades quando seu dono não está em casa. É conhecido também por seu miado doce. Para que sua pelagem semilonga se mantenha sempre exuberante, o Sagrado da Birmânia precisa ser escovado e penteado regularmente.
Ao que tudo indica, o Sagrado da Birmânia descende dos gatos que eram venerados como deuses nos templos budistas da Birmânia (atual Mianmá), na Ásia, no século XV. Os sacerdotes acreditavam que os fiéis retornavam à Terra na forma de gatos. Há várias descrições da chegada dos primeiros exemplares da raça à Europa. A raça moderna foi fundada por “Wong Mau”, um Sagrado da Birmânia — levado para os EUA em 1930 — que foi cruzado com um Siamês. É provável que tenha havido importações posteriores da Birmânia. Mas o fato é que em 1936 a raça já se tornara suficientemente pura para ser reconhecida nos EUA. Na França, a raça foi oficialmente reconhecida em 1952. Os selecionadores franceses incluíram na descendência o sangue dos Siameses e dos Persas brancos, este último responsável pela pelagem macia e semilonga do Sagrado da Birmânia. A história da raça, que divergiu durante a última metade da década de 1940, produziu dois tipos distintos de Sagrado da Birmânia: o gato inglês tem um porte mais oriental, e o americano é mais robusto.

RESUMO DAS CARACTERÍSTICAS
Nacionalidade:França
Classificação:Independente
Porte:Médio/Grande
Temperamento:Independente
Tamanho do Pelo:Semilongo
Frequencia de Troca de Pelo:
« Voltar
Copyright © 2017 - Todos os direitos reservados - Kenkovet Clínica Veterinária - Desenvolvido pela: Agência Yama